Desejo

Desejo

Modelo: MIB91110
Disponibilidade: Em Estoque
Preço: R$ 25,00

Desejo foi uma minissérie de televisão brasileira, escrita por Glória Perez e exibida pela Rede Globo entre 27 de maio e 22 de junho de 1990, com direção de Wolf Maia e Denise Saraceni, com a colaboração de Margareth Menezes e direção geral de Wolf Maia.

A trama contava, de forma romanceada, o episódio conhecido como "A Tragédia da Piedade", quando o escritor Euclides da Cunha (vivido por Tarcísio Meira) foi morto por Dilermando de Assis (Guilherme Fontes), amante de sua mulher Ana Emília Ribeiro, personagem de Vera Fischer, indo a fundo no trabalho de pesquisa e reprodução da época (começo do século XX), com os antecedentes do fato ocorrido e, também, os desdobramentos do caso, que culminou na absolvição de Dilermando.

A minissérie foi lançada com grande estardalhaço, a fim de combater o estrondoso sucesso de Pantanal na Rede Manchete. Para tanto, a emissora utilizou-se de um expediente mais comum na concorrência: lançou a série num domingo, a fim de não dividir as atenções com o capítulo de Pantanal da terça-feira para qual a minissérie estava anteriormente programada para estrear.

A minissérie obteve grande sucesso, que rendeu duas reapresentações: de 4 a 21 de abril de 1995 e de 6 a 16 de outubro de 1998 e o seu lançamento em VHS em 1991 e em DVD em 2005, todos com igual êxito. Além dessas duas reapresentações, foi reprisada de 2 a 24 de novembro de 2010, na íntegra, no canal a cabo Viva. No dia 18 de Julho de 2011 volta a ser reapresentada no Viva, às 23:15.

A minissérie também utilizou como locação a casa onde fora gravado o Sítio do Pica Pau Amarelo, localizada em um sítio em Barra de Guaratiba, Rio de Janeiro, na Estrada Burle Marx.

A também historiadora Glória Perez utilizou farto material de pesquisa, recompondo todos os passos de Euclides da Cunha na semana anterior à sua morte e estudando os artigos veiculados pela imprensa nos primeiros 15 dias depois da tragédia, para verificar que opinião pública se formara sobre o fato. Além disso, a autora teve acesso à correspondência entre Dilermando e Ana. Serviram como fontes de pesquisa para Glória Perez: os autos do Processo-Crime número 1909/1909 e os autos do Inventário do escritor Euclides da Cunha; a Tribuna do Advogado - edição da OAB/RJ; jornais da época depositados na Biblioteca Nacional; os livros Um Nome, Uma Vida, Uma Obra, Um Conselho de Guerra e A Tragédia da Piedade , todos de Dilermando de Assis; o livro Ana de Assis - História de um Trágico Amor de Judith Ribeiro de Assis e Jefferson de Andrade; o livro A Vida Dramática de Euclides da Cunha, de Eloi Pontes; o livro Euclides da Cunha de Silvio Rabello e o livro O Desastre Amoroso de Euclides da Cunha de Umberto Peregrino, conforme divulgado nos créditos finais da minissérie. A direção esteve a cargo de Wolf Maya, que também participou vivendo Evaristo de Moraes, o célebre advogado que defendeu Dilermando de Assis.

 

 

 

Elenco
Tarcísio Meira, Vera Fischer, Guilherme Fontes, Marcos Winter, Marcos Palmeira, Cláudio Cavalcanti, Leonardo Villar, Nathália Timberg, Débora Evelyn

Mídias: 3 DVDs

Ano: 1990

Direção: Wolf Maya

Autor: Glória Perez

 

 

 

Fazer um comentário

Seu nome:


Seu comentário: Obs: Não há suporte para o uso de tags HTML.

Avaliação: Ruim            Bom

Digite o código da imagem: